Por Letícia Costa

A área de treinamento é uma das subáreas do RH que mais causa discussões e reflexões, visto a constante busca das melhores formas de treinar as equipes. Muitos gestores pensam que os treinamentos são uma enorme perda de tempo e dinheiro, mas são uma ferramenta extremamente valiosa para manter a sua equipe atualizada e capacitada, além de, em muitos casos, ser um fator decisivo para a permanência do colaborador na organização.

Nesse cenário, é possível perceber que as empresas têm aumentado o investimento em treinamentos. Um estudo feito pelo Bureau of Economic Analysis dos EUA e os dados das principais empresas de treinamento, foram gastos cerca de US$ 366 bilhões em treinamento em todo o mundo no ano de 2018, o que representa um aumento de 18% nos últimos cinco anos. Contudo, é importante analisar o engajamento desses colaboradores nos treinamentos ofertados.

O treinamento pode ser chato?

Infelizmente sim. Grande parte das empresas tendem a buscar treinamentos “prontos”, ou seja, sem promover a adaptação para a realidade da empresa e isso tende a deixar o treinamento mais maçante para os colaboradores. Esses treinamentos mais ortodoxos tendem a usar técnicas antiquadas, que não costumam promover o engajamento de quem assiste.

Assim, é importante que a empresa entenda o público ao qual será direcionado o contexto da empresa para que qualquer treinamento seja adaptado e, assim, o instrutor consiga usar técnicas mais apropriadas para transmitir a mensagem desejada. É importante que o treinamento seja produtivo, divertido e envolvente. Você pode ter que investir um pouco mais para isso, mas ainda é a melhor alternativa para capacitação das equipes e permanência de talentos na empresa.

Como levantar necessidades ocultas de treinamento de funcionários

Abordagens de treinamento modernas que conquistaram o público


O maior investimento deve ser sempre nas pessoas!

Independente da metodologia e formato de um treinamento, ele é a ação que traz mais retorno do investimento. Não adianta querer desenvolver sua empresa se você não investe nas pessoas que trabalharão nela. É com a ajuda de bons profissionais que se torna possível o crescimento e aumento da força da marca de uma organização.

Diferentemente de uma sala de aula, o treinamento se torna uma atividade que deve se traduzir em mudanças factíveis ​​para melhorar um processo. Portanto, identificar as necessidades de treinamento dos funcionários é o caminho certo para abordar o treinamento para que seus negócios possam crescer.

Aqui na Glaciano Resultados Humanos você encontra os treinamentos ideias para os seus colaboradores. Fale conosco!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *